quinta-feira, 10 de março de 2011

O QUE É O LAÇO DO PASSARINHEIRO?


Laço do passarinheiro é um aparelho mecânico, frequentemente dotado de chamariz para pegar pássaros ou animais. Significa literalmente armadilhas para aves (Sl 124.7; Pv. 7.23). Em Amós 3.5 está escrito: “Cairá a ave no laço em terra, se não houver armadilha para ela? Levantar-se-á o laço da terra, sem que tenha apanhado alguma coisa?”
Amados irmãos, amigos e leitores, assim como nós usamos a lógica para perceber as verdades da vida natural, assim também, na vida espiritual, devemos ver que a desgraça é o resultado do pecado. Aprendemos que o laço do Inferno é a tentação e inclinação para o pecado, por isso que Jesus ensina em Mateus 26.41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca.”

Existem duas espécies de armadilhas usadas pelos passarinheiros: 
A PRIMEIRA  pressiona o pássaro contra o chão. Comparando com a vida de hoje, mostra como somos, muitas vezes, pressionados e até amassados.

A SEGUNDA funciona com um laço que pega a ave pelo pescoço e a levanta, significa, na vida de hoje, como existem muitas criaturas enforcadas pelas armadilhas da vida e das dívidas.

Lembramos que o laço em hebraico significa ‘espancador’ e que em nossa versão traduz por cilada, laços, cadeias ou outras palavras hebraicas geralmente traduzidas como armadilha.

 No Egito, hoje em dia, são usados os seguintes tipos de armadilha, algumas delas com antigos paralelos: redes, tábuas sobre um buraco, caixa que cai sobre a vítima, laçada, armadilha com duas peças que apontam o pescoço da vítima, e uma gaiola com alçapão.

Aprendemos que toda armadilha é para colocar-nos sob pressão, é um peso que ocasiona preocupação, tirando a paz e a tranquilidade, colocando o homem num buraco sem saída, nos deixando sufocados, presos e muitas vezes levando a morte física e espiritual.

Estar perdido é viver longe do Senhor Jesus; ser salvo é viver com Jesus. Para vivermos com Jesus no céu, já precisamos viver com ele aqui na terra. Notamos que as pessoas querem ir para o céu depois da morte. No entanto, “de boas intenções o inferno está cheio”, diz o ditado. Não basta querer; é preciso preparar-se realmente.

E como podemos nos preparar para o encontro com Jesus? Antes de mais nada, para sermos salvos precisamos reconhecer que estamos perdidos, e assim estamos porque pecamos. Ao pecar, ofendemos a santidade de Jesus, rompendo nossa ligação com Ele. É como se estivéssemos mortos para Deus, e estamos mortos, de fato, pois Efésios 2.1,2 nos diz: “estando vós mortos em ofensas e pecados,  nos quais costumavam viver, quando seguiam a presente ordem deste mundo”.

Ser salvo significa deixar de viver a velha vida, contrária à vontade do Senhor Jesus, e passar a viver uma vida em íntima comunhão com o Senhor Jesus. E só conseguiremos na força do Senhor.

De acordo com Salmos 62.1, podemos entender que só Deus pode nos livrar das pressões das armadilhas, leia: “A MINHA alma espera somente em Deus; dele vem a minha salvação. Só ele é a minha rocha e a minha salvação; é a minha defesa; não serei grandemente abalado”.

Aprendo que nossa salvação, assim como toda boa dádiva, vem de Deus, que a todos dá liberalmente nessas três expressões: 1º) Só ele é a minha rocha; 2º) É a minha salvação; 3º) É o meu refugio. Com isso demonstra a segurança que Jesus oferece aos Seus.

VIGIE PARA NÃO CAIR NAS CILADAS
E ARMADILHAS DESTE MUNDO.

                                 

Um comentário:

  1. Gostei muito, que Deus abençoe a sua vida, a sua familia, e a todos nós em nome de Jesus, AMÉM

    ResponderExcluir